quinta-feira, 30 de março de 2017

QUAL SEU ESTILO

Alguns homens ainda tem dificuldade em assumir sua vaidade de escolher suas roupas intimas.
Durante muitos anos, os homens compraram suas cuecas em kits com algumas peças, com pouco design, baixíssimo conforto e nas cores clássicas como branca, preta, cinza e quando no máximo um azul bebe.
Além disso, vamos combinar que é meio desanimador (pra não dizer brochete), na hora H, você aparecer na frente daquele gatinho ou gatinha, com uma cueca com furinhos, cheio de bolinhas e ainda por cima com elástico frouxo.
Tudo bem que naquele momento o objetivo maior está embaixo da cueca, mas depois, em seus pensamentos e mesmo conversa com amigos (afinal não podemos perder a oportunidade de dividir nossa conquista) qual a impressão que fica?
Nos dias de hoje, a escolha da roupa intima se tornou tão importante quanto à escolha de toda a vestimenta.
Palavras como conforto, design, beleza e sensualidade são os itens mais mencionados em pesquisas sobre roupa intima masculina.
Hoje existe no mercado uma grande quantidade de modelos e cores, embora as grandes marcas ainda insistam em modelos mais tradicionais e cores mais neutras, quando muito um vermelho paixão.
Mais do que agradar seu parceiro, sua peça intima faz parte de sua intimidade e de sua personalidade.
Além disso, conforto é um item indispensável. Passar o dia com aquela cueca te apertando e fazendo você lembrar-se dela o dia todo, ninguém merece.
A anatomia do corpo masculino, em especial a região púbica, e extremamente diferente da anatomia feminina (ah, vá kkkk). E independente do tamanho de seu instrumento, uma cueca com modelagem de calcinha não vai te proporcionar muito conforto não.
Escolha sua peça intima pelo design, pelas cores de seu agrado, pelas suas condições financeiras, e não se esqueça de levar em consideração também o conforto desse seu amigo inseparável.
Ouse. Experimente novos modelos. Veja novas possibilidades. Você só tem a ganhar com isso.
E você, qual modelo prefere?

Boxer
Slip

Jockstrap
Fotos: Luciano Moraes
Modelo: DitoVergas


domingo, 26 de março de 2017


Se todos fossem iguais o mundo não teria a menor graça.

Viva a diversidade, viva as diferenças, viva a vida!


Higiene Íntima Masculina


Confira as dicas do urologista Dr. Thiago Ferreira, da clínica Doktor’s, em São Paulo, e membro titular da SBU (Sociedade Brasileira de Urologia).



Existe um jeito certo de higienizar o pênis durante o banho?
O pênis deve ser higienizado como qualquer outra parte do corpo, não há necessidade do uso de sabonete íntimo. O importante é lavá-lo bem com água e sabonete comum.

Depois de lavar é preciso enxugar o pênis?
Sim, porque o acúmulo de água, principalmente para quem ainda tem o prepúcio (pele que recobre a glande), pode gerar fungos, que se proliferam devido ao abafamento da região da virilha.

Há um jeito certo de colocá-lo dentro da cueca?
Pacientes que passaram por cirurgia ou algum procedimento médico devem colocá-lo com a cabeça voltada para cima no pós-operatório. Os demais podem manter de qualquer maneira.


O prepúcio deve ser mantido puxado para evitar mau cheiro?
Não. Quem tem o prepúcio grande, cobrindo toda glande, pode ter acúmulo de secreções que, mantidas abafadas, podem causar mau cheiro. No entanto, não é recomendável que o prepúcio seja puxado, porque pode gerar uma irritação na glande. Em alguns casos, puxar demais essa pele pode levar ao aparecimento de fimose e, por sua vez, a necessidade de uma cirurgia de emergência. O ideal é manter o pênis bem limpo e apenas puxar o prepúcio na hora do banho.

Após urinar, basta balançar ou é necessário secar?
O ideal, após urinar, é secar o pênis com o papel higiênico. Isso porque a urina residual, presente na parte final da uretra, pode ficar alojada se o paciente tiver um prepúcio grande, podendo desencadear uma irritação no local, gerar mau cheiro e inflamação.

Após fazer sexo, é preciso higienizar no pênis?
Sim, após a relação sexual é necessário fazer a higiene normal, de preferência, tomar um banho e lavar bem o órgão sexual, secando em seguida, para evitar infecções.

O tecido da cueca pode levar ao surgimento de micose?
Sim, por isso os tecidos sintéticos não são recomendados, uma vez que pioram o abafamento da região e aumentam a umidade no local. O ideal é que sejam cuecas de algodão.

O modelo da cueca influencia?
O modelo da cueca não influencia, só não pode ser muito apertada, pois não permite que os testículos desçam e fiquem em uma temperatura um pouco mais abaixo do que o corpo. Quem usa cueca apertada demais pode ter um mau funcionamento da função testicular, prejudicando, por exemplo, a produção de espermatozoides.

A higiene da roupa íntima também pode afetar a saúde do pênis?
A roupa íntima deve ser lavada normalmente como qualquer outro tipo de roupa, e o ideal é não usar a mesma cueca dois dias seguidos sem lavar, mas não é necessário nenhum cuidado especial.

Quais as doenças mais comuns na área íntima masculina?
Primeiramente, as doenças sexualmente transmissíveis, como o HPV (vírus do papiloma humano), que se apresenta como uma verruga no pênis, na glande ou no prepúcio. Há ainda a uretrite, quando surge uma secreção, às vezes viscosa, às vezes transparente, saindo da uretra, acompanhada de ardência ao urinar. Além das micoses, como a candidíase, que surgem pelo abafamento. Outras doenças, não tão comuns, são as neoplasias (tipos de câncer) em que surgem feridas no pênis e também nos testículos.

O homem pode fazer o "autoexame" nos testículos?
Sim, é importante o homem sentir e observar possíveis alterações no corpo. Algumas anomalias podem aparecer em várias faixas etárias, desde criança, entre os 20 e 30 anos, e após os 40 anos também. Por isso, é importante o homem apalpar os testículos durante o banho, por exemplo, para sentir se há alguma alteração. Deve-se prestar atenção ao aumento súbito do volume do testículo e ao endurecimento dessa região. Tendo esses ou outros sinais, o homem deve procurar um urologista.

Apenas olhando um pênis é possível saber se ele é saudável?
Se não tiver nenhuma ferida, se a coloração da pele estiver normal, o pênis pode ser saudável. O mau cheiro, por si só, não é sintoma de doença, mas de higiene inadequada. Já verrugas podem ser sinais de doença, principalmente o HPV. No entanto, o uso de preservativos é indispensável, mesmo quando não há alterações visíveis.

Depilação íntima pode prejudicar os órgãos sexuais masculinos?
Os pelos servem como fator de proteção para que bactérias não se alojem no local. Por isso, o ideal é que se evite a depilação masculina com frequência para não tirar essa barreira natural de proteção.

O câncer de pênis pode ser causado por falta de higiene?
Sim, essa é uma das principais causas do câncer de pênis. Se a sujeira for mantida por muito tempo na região desencadeia uma resposta inflamatória crônica e pode levar a um processo de neoplasia, ou seja, o aparecimento de um câncer. Segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA), no Brasil, esse tipo de tumor é considerado raro, com maior incidência em homens a partir dos 50 anos, embora possa atingir também os mais jovens. A má higiene íntima , no entanto, é uma das causas do tumor que, conforme a gravidade, pode até levar à amputação do pênis.

Colecionador, comprador, revendedor, fotógrafo e amigo. Conheça um pouco sobre nosso parceiro MR. COX® Foto: Lucia...